Veja como reformar sua casa pensando nos pets

Veja como reformar sua casa pensando nos pets

Confira algumas dicas valiosas para quem está planejando um lugar especial para o animal de estimação

É impossível ter um pet em casa e não amar. Considerado um membro da família, é precisa pensar no animalzinho quando for executar um projeto de reforma do imóvel. A alegria, o carinho e o companheirismo que os pets proporcionam aos seus donos é algo que emociona e cativa, não é mesmo? Então, nada mais justo do que dar uma cara nova ao espaço destinado ao seu pet.
Reformar o lugar dos bichos de estimação não é apenas dar uma mãozinha de tinta na casinha do cachorro ou aumentar o tamanho da caixa de areia do gato, mas pensar em melhorar o ambiente para que seja capaz de aumentar a qualidade de vida desses amiguinhos.
São inúmeras ideias para deixar o lugar do seu pet mais interessante. Para ajudar quem está pensando em dar uma cara nova ao imóvel, mas sem deixar os animais de lado, o arquiteto preparou algumas dicas valiosas e inspiradoras que vão deixar o lar ainda mais aconchegante para os pets.

Casa com pet é casa bagunçada?

 Na verdade, toda a “bagunça” nada mais é do que sinônimo de alegria e diversão do animalzinho de estimação e uma casa com pet pode ser muito bem organizada, limpa e atraente. O mercado oferece várias opções de decoração e reforma pensando neles. Se o morador gosta de gatos, por exemplo, já deve ter visto as belas passarelas suspensas, criadas especialmente para eles.
O que não devo ter em casa se desejo dar conforto ao meu pet?
Ainda de acordo com o especialista, existem algumas coisas que devem ser evitadas nas reformas e decoração da casa.
  • Piso: carpete é uma péssima ideia, pois acumula sujeira e pelos que serão difíceis de remover. Pisos de madeira podem ser arranhados, enquanto granito e mármore são muito porosos e aquele “xixizinho” talvez não seja removido. Melhor optar por cerâmica ou cimento queimado;
  • Plantas tóxicas: embora sejam bonitas, algumas plantas possuem substâncias tóxicas que podem fazer mal se forem ingeridas acidentalmente por um pet;
  • Objetos de decoração que fiquem no chão podem ser alvo das brincadeiras;
  • Portas de vidro: alguns pets não entendem que a porta está fechada e podem se machucar na tentativa de passar;
  • Produtos de limpeza: mantenha-os em locais isolados, porque os pets são curiosos e podem sofrer intoxicações em caso de contato com os produtos de limpeza.

Dicas para reformar sua casa pensando nos pets

Quando for reformar ou dar uma cara nova à sua casa não se esqueça do lugar para o pet. Afinal de contas, eles merecem, não é? Procure a ajuda de um profissional qualificado para incluir um espaço especial aos animais no projeto da sua casa”, aponta o arquiteto.
  • Pense nos hábitos do cãozinho: se ele é daqueles que adoram passar a maior parte do tempo correndo, proporcione mais espaço! Além disso, construa um espaço tranquilo, arejado e confortável para ter um bom descanso;
  • Dedique um espaço da casa só para o seu cachorro e coloque tudo o que gosta;
  • Organize os espaços de alimentação e necessidades de forma que fiquem em lugares distintos e com uma distância razoável entre ambos.
  • Já os gatos gostam de dormir e escalar: fixe plataformas de madeiras no alto das paredes e coloque a caminha;
  • Caixinha de areia: os gatos são animais muito limpos. Mas, é importante fazer a troca da areia sempre que necessário.

Confira Também:

http://www.revistadavila.com.br/diabetes-em-pets-dicas-para-controlar-a-doenca/

 

Sobre o Autor

Rua Joaracy Mariano de Barros, 212 - Solar do Itamaracá - Indaiatuba/SP - CEP.: 13.333-390 - Tel.: (19) 3329-7741 e (19) 9.8328.4111 (What´s App) [email protected]

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat