BioExtratus
BioExtratus
Outdoor: a força de um dos mais tradicionais meios de publicidade

Outdoor: a força de um dos mais tradicionais meios de publicidade

O outdoor é um dos mais conhecidos meios de se fazer publicidade, mas quando é o melhor momento para trabalhar com ele?

Quando se pensa em publicidade externa, uma das primeiras mídias que vêm à nossa mente são os outdoors. No Brasil, a tradição teve início há quase 100 anos. Um dos primeiros meios de veiculação de propagandas comerciais, ele começou a ser utilizado no Brasil nos distantes anos 20 do século passado, na cidade de São Paulo.

Mas, o que ainda os fazem ser uma opção viável em tempos nos quais os meios digitais parecem ser a melhor saída? Essa e outras dúvidas serão esclarecidas agora pela Ploti Comunicação Visual. Vem conferir!

O tradicional outdoor

O outdoor se difere de outras mídias de propaganda especialmente pelo seu formato único. Além disso, sua forma de exposição para o público, bem como tempo de visualização e leitura também o tornam diferenciado de quaisquer outros meios de comunicação.

Existem algumas particularidades que os outdoors compartilham no Brasil. A mais difundida é a padronização que a maioria dos modelos segue quanto às suas medidas: 9x3m.

Características da mídia outdoor

Outdoor: a força de um dos mais tradicionais meios de publicidade

O outdoor, enquanto mídia, tem algumas características que lhe são bem únicas. Levando em conta o tipo de propaganda e os objetivos que você tem com ele, essas características podem, ainda, ser consideradas como vantagens perante outros meios. Dentre as principais, podemos listar as seguintes:

  • Cobertura e Mapeamento:

O cliente pode decidir um ponto onde será instalado o outdoor, ou definir um roteiro com vários pontos. Pode, inclusive, trabalhar de maneira próxima ao seu negócio/produto.

  • Veiculação Bi-semanal:

No caso dos outdoors, sua veiculação é bi-semanal, ou seja: permanecem em exibição por 14 dias. É claro que os períodos podem ser renovados, mas as datas são fixadas por meio de um calendário. Este calendário é controlado pela entidade Central de Outdoor, e visa contemplar períodos de grande movimentação comercial.

  • Ações voltadas para Datas Comemorativas:

Os outdoors são muito efetivos quando trabalham com datas comemorativas como Natal, Páscoa, Dia das Mães, etc.

  • Lançamentos de Produtos:

Causam impacto e chamam a atenção do espectador, o que é fundamental quando se trata da publicidade de lançamentos. Nesse caso, funciona ainda melhor quando são vários pontos com outdoors.

  • Promoções:

Podem coincidir com as datas comemorativas, o que chama ainda mais a atenção dos clientes. Além disso, datas fora de períodos de comemoração permitem que melhores pontos sejam mais facilmente negociados para esses fins.

  • Exposição 24h por dia:

Se seu outdoor contar com iluminação, poderá ser visualizado por inúmeras pessoas durante o dia e a noite. O melhor de tudo é que ele trabalha de maneira offline e não exige nenhum requisito para que seja acessado.

Material do outdoor: Papel x Lona

Outdoor: a força de um dos mais tradicionais meios de publicidade

Existem dois tipos de materiais com os quais os outdoors são feitos. O mais tradicional é  papel — divididos em 32, 16, 8 ou 6 partes, impressos individualmente, e fixados com cola. Do outro lado, existe a opção impressa em lona — que acompanha os mesmos padrões de tamanho, mas é afixada por meio de abraçadeiras.

Existem algumas vantagens em cada um dos tipos de outdoor que podem influenciar na hora da opção por um deles. Se por um lado a impressão em papel é substancialmente mais barata, por outro lado ela exige uma estrutura fixa (geralmente, uma placa de madeira ou de aço) onde será colada. Já no caso da impressão em lona, basta a estrutura exterior, uma vez que o material é forte o bastante para se sustentar.

Além disso, a qualidade da impressão, a visibilidade e o contraste das cores costuma ser maior quando a impressão é feita na lona. Outra desvantagem do papel é o fato de que seu material tende a desgastar bem mais depressa devido às condições climáticas e ação do tempo.

Portanto, é necessário pesar bem o objetivo, tempo que precisa para veiculação da propaganda e o dinheiro disponível. Também é muito importante contar com profissionais qualificados tanto para a impressão, quanto afixação dos materiais — uma vez que a qualidade do material da propaganda pode ser uma influência negativa ou positiva para seu produto.

Afinal, quem quer ser visto, tem que ser bem visto.

Sobre o Autor

Endereço: Rua Emílio Lopes Cruz, 487 - Jardim Belo Horizonte - Indaiatuba/SP - CEP.: 13344-700 - Telefone: (19) 3935-8131

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat