BioExtratus
BioExtratus
Landscape lighting: o que a iluminação externa diz sobre o seu evento

Landscape lighting: o que a iluminação externa diz sobre o seu evento

Saiba por que vale o investimento e quais as funções de um ambiente ao ar livre bem iluminado

Um ambiente mal iluminado pode arruinar a experiência dos convidados em um evento. Porém, o ponto em questão não é a quantidade de luz, mas sim de seu uso planejado. O assunto já foi abordado anteriormente, com postagens sobre iluminação LEDs e Festão, por exemplo. Contudo, desta vez, a preocupação é com área externa e o uso de landscape lighting.

Conceito bastante utilizado no meio da arquitetura e da decoração, a iluminação paisagística, chamada também de landscape lighting, trata de ressaltar os ambientes ao ar livre, sobretudo, durante a noite. O surgimento de variados tipos de LEDs, inclusive, facilitou a aplicação de luzes externas, principalmente pelo baixo consumo de energia e pela diversidade de cores e formatos. Spots, projetores, mini postes e arandelas são apenas alguns dos equipamentos úteis nesse processo.

Por que investir em iluminação externa?

Ao embelezar o que ficaria perdido na escuridão, o aproveitamento do local também aumenta. Obviamente, para eventos ao ar livre é fundamental que as áreas estejam iluminadas corretamente, afinal o ambiente principal é aquele. No caso de eventos que acontecem em espaços fechados, planejar a disposição de luzes externas pode ajudar na localização e ampliar as áreas de visitação.

Destacar pontos da arquitetura, iluminar árvores e deixar à vista calçadas, escadas e trilhas, além de fazer com que os convidados entrem no clima e tenham uma ótima primeira impressão do evento, é uma questão de segurança. Dessa forma, ao facilitar a visibilidade para as pessoas evita-se acidentes, entradas em lugares não permitidos e, claro, passa uma sensação de conforto aos presentes.


Leia mais:

Escolha o tipo de projetor ideal para cada situação

Tradução Simultânea: qual sua importância em um evento corporativo?

Apollo Sonorização garante a diversão nas festas de fim de ano


Algumas dicas

Posicionar um LED com a luz voltada para cima cria um efeito chamado uplighting. A intenção é, a partir do contraste de claro e escuro, dar um toque dramático ao local, funcionando bem em conjunto com árvores altas, parques e construções com pilares. Já iluminar o ambiente de cima para baixo, o chamado downlighting, proporciona sensações agradáveis e românticas, principalmente, iluminando corredores, canteiros ou elementos no solo que ficam melhor com luz.

O crosslighting aposta em várias luzes voltadas para o mesmo objeto, com a finalidade de destacá-lo por completo. Funciona bem em locais com texturas e formatos que podem criar sombras desagradáveis. Dentre outros efeitos estão o frontlighting, que ilumina frontalmente, e o backlighting, instalado atrás dos objetos.

Vale lembrar que a percepção da iluminação de um ambiente muda de acordo com a pessoa, porém os estilos também são variados. É possível trabalhar de forma mais minimalista – com pouquíssimas luzes – ou lançar mão de muitas luzes coloridas de uma só vez. Além disso, para quem prefere algo mais discreto, há também a possibilidade de criar um efeito de luz mais natural. Tudo depende da ocasião e do público-alvo.

Para garantir o sucesso do seu evento não só no landscape lighting, mas também em toda a parte estrutural, a Apollo Solutions apresenta uma série de serviços e alternativas inteligentes. Por isso, conte conosco.

*Texto produzido e otimizado pelo Armazém da Notícia

  • landscapelighting
  • foto1
  • foto17
  • foto23
  • foto24
  • iluminacao_gd

 


Leia mais:

Som e iluminação: eles podem ditar o sucesso da sua festa

Transmissão de eventos ao vivo pela internet

Encontro de amigas


 

Sobre o Autor

Endereço: Rua Uruguai, 119 - Vila Castelo Branco - Indaiatuba/SP - CEP.: 13338-110 - Tel.: (19) 3016-1111

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat