BioExtratus
BioExtratus
Gamer profissional: saiba como funciona essa carreira

Gamer profissional: saiba como funciona essa carreira

Conheça um pouco mais da ocupação de Gamer Profissional

Você fica frustrado porque seu filho passa tempo demais jogando? Ou ainda considera os videogames “apenas uma perda de tempo”? De fato, é bom que as crianças participem de atividades que não sejam só no computador, mas os jogos são uma ótima forma de aprender novos conhecimentos, como o inglês, e podem até ser fonte de renda. Para o gamer profissional, os jogos são mais do que brincadeira, são uma profissão. Os pro-players, como também são chamados, ganham dinheiro jogando e participando de competições.

Os rendimentos mensais de um gamer profissional podem variar entre R$ 3 mil e R$ 20 mil. Os seus lucros de vêm de patrocínios, premiações e venda de produtos.

E é uma carreira séria: os jogadores são considerados atletas digitais e treinam durante horas, além de precisarem estudar estratégias e técnicas para vencer seus adversários. Além disso, existem gamers que recebem dinheiro escrevendo críticas de jogos e produzindo canais no Youtube sobre o tema.

Neste artigo, explicamos tudo sobre essa nova profissão. Entenda como é o cotidiano de um gamer profissional e descubra como incentivar o talento do seu filho para os jogos.

Como é o dia a dia de um gamer profissional

Assim como jogadores de futebol ou qualquer outro atleta, um gamer profissional costuma participar de times patrocinados. Normalmente, essa equipe vive em centros de capacitação onde passa boa parte do tempo treinando e estudando.

É comum que o dia de um jogador comece depois das 11 horas da manhã e só termine de madrugada. Sua rotina inclui de 8 a 12 horas diárias de prática de jogos e mais algumas horas de estudo, em que há orientações dadas por um técnico, discussões de estratégias e análise das partidas dos adversários.

Nas Gaming Houses, os atletas contam com salas climatizadas, computadores de última geração com acesso à internet e refeições planejadas por nutricionistas. Além disso, precisam frequentar a academia e receber atendimento psicológico para manter a saúde física e mental.

Como orientar seu filho a se tornar um gamer profissional

Se você percebe que seu filho tem talento para os jogos e pode transformar isso em uma profissão, confira algumas dicas essenciais para encorajá-lo a ser um gamer profissional.

Estimule-o a estudar

Não basta apenas jogar. Quem quer melhorar seu jogo, precisa estudar bastante. Uma boa forma de aprender técnicas é vendo as partidas de outros jogadores. Existem tutoriais e vídeos voltados para quem quer aprender mais sobre cada jogo. Também incentive o seu filho a gravar os games de que ele participa e rever as partidas para descobrir os erros ou pontos que podem ser melhorados.

Estabeleça limites

Mesmo os jogadores profissionais precisam de um tempo longe das telas. É bom estabelecer regras que incluam exercícios físicos, uma alimentação equilibrada e uma boa noite de sono.

No Brasil, as empresas já começaram investir no mundo dos jogos. Apesar de ainda existir preconceito, a tendência é que, no mercado de trabalho do futuro, a profissão de gamer profissional se consolide cada vez mais.

Gostou deste artigo? Então, compartilhe-o nas redes sociais! Não se esqueça de marcar um amigo que vai curtir ler este texto. Até a próxima!

Leia mais matérias da Ctrl+Play Escola de Robótica e Programação

Ctrl+Play Escola de Programação e Robótica
Rua: 13 de Maio n 650 – Centro

Centro – Indaiatuba/SP
(19) 3816.6688 – 9.8395.4907
 ctrlplay
[email protected]
www.ctrlplay.com.br
escolacrtlplay
escolactrlplay

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat