BioExtratus
BioExtratus
Divã para Mães: Período de Adaptação na Escola

Divã para Mães: Período de Adaptação na Escola

Cabeçalho Coluna Divã das Mães por Larissa Fonseca para Revista DÁvila

O início da vida escolar de uma criança é um período de suma importância que merece muito cuidado e dedicação, tanto dos pais como da Equipe Pedagógica da escola

Esse é um período cheio de expectativas, algumas dúvidas, diversos momentos de alegria, conflitos e muitas, muitas descobertas.

Nesta fase, a criança vive uma das mais importantes etapas do desenvolvimento humano, não apenas nos aspectos motor e intelectual, como também nos aspectos emocional e social. É na escola que ela começa fazer amigos, se socializa com crianças e adultos que não são seus familiares, além de participar de diversas outras atividades que contribuem para o seu desenvolvimento.

A adaptação nem sempre é fácil para as crianças. O encontro com um mundo novo é sem dúvida instigante, mas o desconhecido sempre traz um pouco de insegurança.

A adaptação na escola deve ser feita gradualmente e com muito cuidado, respeitando os limites e sentimentos das crianças e dos pais.

A maneira como a criança vai lidar com esse novo desafio depende de diversos aspectos. Alguns deles estão relacionados às experiências vividas em seus primeiros anos de vida. A criança que está acostumada a conviver com diferentes pessoas, em ambientes diversificados e a se relacionar com outras crianças tende a se adaptar mais rapidamente.

Um outro aspecto determinante para o sucesso do processo de adaptação dos filhos é a atitude dos pais perante as reações da criança na escola.

A confiança dos pais na instituição é imprescindível. Choros são comuns nesta fase. A criança ainda não consegue entender que aquilo que sai do seu campo visual continua a existir e a noção de reversibilidade ainda não está estruturada. Com isso, a insegurança em relação ao fato da mãe ir embora e não voltar mais acaba gerando o choro e a ansiedade na criança.

Se os pais passarem segurança e tranqüilidade para o filho, sua adaptação tende a ser tranqüila. Nunca minta para seu filho saindo escondido ou dizendo que só vai ao banheiro e já volta. O choro pode até ser evitado, mas a confiança da criança será abalada, afinal, essa não é a verdade. Além disso, com o passar dos dias, a criança não mais acreditará nos pais e resistirá ainda mais para ficar na escola.

Algumas crianças levam mais tempo para se adaptar, mas normalmente com a colaboração dos pais, em poucos dias a criança se acostuma com o novo ambiente e cria vínculos com as pessoas com as quais vai conviver. Logo ela passará a frequentar o ambiente escolar com muito entusiasmo e dará início à sua incrível jornada em busca de descobertas e conhecimento com prazer.

Seguem algumas dicas para facilitar a adaptação de seu filho na Escola:

  • Reserve pelo menos uma semana para fazer a adaptação de seu pequeno;
  • Leve-o para conhecer a Instituição escolhida;
  • Cuidados devem ser tomados nesse período de adaptação em relação a: troca recente de residência; retirada de chupeta ou fraldas; troca de mobília do quarto da criança; perda de parente próximo ou animalzinho de estimação;
  • Inicie o processo explorando e brincando com ele por alguns minutos no primeiro dia. Estimule a criação do vínculo entre seu filho e a professora; não tenha ciúme, essa será apenas mais uma das relações que ele terá com diferentes pessoas ao longo de sua vida. O vínculo com a professora é muito importante para facilitar a adaptação da criança;
  • Aos poucos vá deixando de interagir com ele, permitindo assim que a criança brinque mais com os colegas e professoras. Desta forma ela vai se acostumar com seus novos companheiros e vai começar a entender que a mamãe não ficará naquele espaço;
  • Aumente gradativamente o tempo de permanência de seu filho na Escola até que ele esteja adaptado. Não espere que ele fique cansado para levá-lo de volta para casa. Esse “gostinho de quero mais” é o que vai instigá-lo a voltar no dia seguinte;
  • Procure estabelecer uma rotina desde o momento que vocês saem de casa para a criança entender o que acontecerá e ficar mais segura;

  • Converse muito com seu filho e explique exatamente o que irá acontecer; quando você irá se despedir; porque; o que você fará neste período; o que ele fará e quando voltará para buscá-lo;
  • Passada a adaptação, quando você decidir ir embora, seja firme em sua decisão. Mesmo que seu filho chore, despeça-se com tranqüilidade. Diga sempre que você vai embora, mas voltará para buscá-lo. Que ele vai brincar muito e que a Escola é um ambiente legal e repleto de novidades. Não volte atrás na sua decisão pois a criança perceberá facilmente sua insegurança e também ficará receosa. Tenha em mente que, se acontecer, o choro passará em poucos minutos. Essa é apenas uma adaptação a uma nova realidade que seu filho está enfrentando;
  • O choro na hora da separação é comum e nem sempre significa que a criança não queira ficar na escola;
  • A ausência do choro não significa que a criança não esteja sentindo a separação. Não force com violência e ansiedade a criança a ficar na escola;
  • Lembre-se que o educador atende às crianças em grupo; procurando distribuir sua atenção, igualmente, promovendo junto com a mãe a integração da criança;
  • Poderão ocorrer algumas regressões de comportamento durante o período de adaptação;
  • É comum verificar-se nessa fase uma ambivalência de sentimentos.

Não é fácil presenciar nossos pequenos chorando ou angustiados. Afinal, queremos privá-los de qualquer situação que lhes cause sofrimento. Mas acredite que a insegurança nesse início é normal e cabe a você fazer dessa adaptação um período tranqüilo e sem traumas.

Força e Boa Adaptação!

Sobre a colunista

Larissa Fonseca Coluna Divã para Mães - foto perfil

 

Larissa Fonseca é Pedagoga graduada pela USP, Pós Graduada em Educação Infantil e Psicopedagogia, Psicomotricista, especialista no Universo do Brincar pelo centro de estudos filosóficos Palas Athena, em Psicanálise e Educação pelo Instituto de Psicologia da USP e em Comportamento e Desenvolvimento Infantil, Escritora.
www.larissafonseca.com.br
[email protected]
Canal no youtube Larissa Fonseca Pedagoga
Book @livroduvidasdemae e @sosmaes
Instagram @duvidas_de_mae


Leia também:

http://www.revistadavila.com.br/cuidado-com-excesso-de-protecao/

http://www.revistadavila.com.br/como-escolher-baba/

 

 

Sobre o Autor

Rua Joaracy Mariano de Barros, 212 - Solar do Itamaracá - Indaiatuba/SP - CEP.: 13.333-390 - Tel.: (19) 3329-7741 e (19) 9.8328.4111 (What´s App) [email protected]

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat